Bélgica | Medidas de Entrada

Alemanha passa a exigir testes à COVID-19 a motoristas provenientes de Portugal.
A partir das 00h00 do dia 27 de janeiro, no caso dos motoristas que tenham estado nos últimos 10 dias em Portugal, independentemente do número de horas/dias que estejam na Alemanha, têm que proceder a um registo online e apresentar um teste PCR negativo à COVID-19, que não pode ter mais de 48h após a entrada. 
O teste terá de ser apresentado sob a forma de um certificado digital ou em papel, emitido pela entidade onde o mesmo foi feito, sendo necessário que o mesmo seja apresentado na língua inglesa, francesa ou alemã. 
Assim, os motoristas que tenham estado em países considerados de área de “variante de preocupação” nos últimos 10 dias, antes da entrada em território alemão:

  • Pré-registo: Obrigatório. O registo deve ser realizado em: https://www.einreiseanmeldung.de antes da entrada. O formulário de registo encontra-se disponível em diversos idiomas. No formulário é solicitado num dos campos de preenchimento obrigatório que o motorista indique um endereço na Alemanha. Neste campo sugere-se que seja indicado o primeiro endereço do local onde a mercadorias vai ser carregada/descarregada. O período de quarentena referido neste campo de registo (endereço de acomodação), tratando-se de motoristas, não deve ser tido em consideração por se encontram excecionados do mesmo. Deve-se apenas indicar o endereço tal como sugerido em cima.
  • Teste à COVID-19 negativo: Obrigatório e sem qualquer exceção. O teste à COVID-19 deve ser realizado antes da entrada, e apresentado aquando da solicitação de uma autoridade responsável. O teste não pode ter mais de 48h após a entrada no território alemão.
  • Caso se circule em trânsito pelo território alemão, sem qualquer paragem, de momento, só será necessário efetuar o registo acima mencionado, antes da entrada neste território.
    Nota: Portugal (a partir das 00h00 do dia 27 de janeiro), Reino Unido, Irlanda do Norte e Irlanda encontram-se na lista dos países de “variante de preocupação”.

Outras considerações:

  • Relativamente aos locais onde os testes poderão ser realizados em Portugal, informa-se que os mesmos poderão ser realizados em todos os locais que atualmente já realizam testes PCR. No entanto, deverá ser garantido pelo local/laboratório onde o teste é realizado que o resultado é acompanhado de um certificado em papel ou digital em língua portuguesa e numa outra língua (e.g. francês, alemão ou inglês).
  • Reforça-se que para entrar na Alemanha, o referido certificado não poderá ter mais de 48h.
  • Os requisitos técnicos dos testes encontram-se em www.rki.de/covid-19-tests.
  • De momento, não foram ainda indicados locais de teste fora de Portugal, isto é, nas fronteiras, em área de serviço ou noutros locais. 

As autoridades alemãs poderão a qualquer momento voltar a atualizar as listas de países, tendo em conta o “risco” que cada um representa, pelo que sugerimos a consulta regular dessas listagens.